No final de 2016, a diretora de Compliance e Facilitação da Organização Mundial de Aduanas (OMA), Ana B. Hinojosa, concedeu entrevista para veículo argentino em que abordou diversos temas aduaneiros como o Acordo de Facilitação do Comércio da OMC, a questão da Janela Única e o Operador Econômico Autorizado, sem deixar de comentar a relutância sul-americana em aderir ao Convênio Revisado de Kyoto (sobre simplificação e modernização de procedimentos de Aduana).

A especialista comentou as perspectivas para a América Latina diante da entrada em vigor do Acordo de Facilitação do Comércio, que tem na agilização dos despachos de mercadorias e na redução de custos e prazos seu principal foco. Ana explica que a OMA é a única organização intergovernamental encarregada de tratar temas de aduana e que a facilitação do comércio tem sido a meta nos 60 anos de história.

A partir de considerações sobre a Argentina, a diretora da OMA explica a evolução do tratamento nas Aduanas e fala sobre os temas que considera de relevância para as atividades da Organização nos próximos anos.

Pela relevância das considerações da especialista, reproduzimos o conteúdo da entrevista, disponível no link abaixo.

Entrevista Ana Hinojosa

COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA